Como escolher um coworking: confira 5 dicas para acertar na decisão!

Como escolher um coworking

Quando se trata de escolher o melhor espaço de coworking para o seu negócio, há uma série de fatores que devem ser considerados. Pensando nisso, preparamos cinco dicas para ajudá-lo a acertar na decisão e encontrar o espaço certo para você!

Os coworkings vêm se tornando cada vez mais populares à medida que empresas e freelancers buscam flexibilidade e, ao mesmo tempo, economia de custos. Após a pandemia, tais fatores, impulsionados por novos modelos de trabalho, como o regime híbrido, ajudaram a aumentar ainda mais a popularidade dos espaços compartilhados. Entretanto, existem inúmeras opções de coworkings e, com isso, surge a dúvida: como escolher o melhor? Acompanhe o nosso artigo e descubra o que você precisa ter em mente ao escolher o espaço de coworking ideal para você ou para a sua empresa.

1 – Avalie as facilidades oferecidas pelo coworking

Existem muitos benefícios em trabalhar em um coworking. Os espaços compartilhados são, essencialmente, escritórios que podem ser alugados a curto, médio ou longo prazo. Esses espaços geralmente são compartilhados por outras pequenas empresas e trabalhadores autônomos. Sendo assim, você terá a companhia de uma comunidade de profissionais com ideias semelhantes às suas.

A maioria dos espaços de coworking possui uma variedade de áreas comuns, como copa e cozinha, salas de descanso e espaços ao ar livre. Além disso, os coworkings oferecem salas de reunião que você pode reservar para quando precisar de um espaço para realizar reuniões mais formais.

Contudo, além das facilidades citadas acima, é preciso avaliar os diferenciais de cada coworking. Afinal, todos têm benefícios em comum, mas são as facilidades exclusivas que podem te ajudar a definir o melhor espaço para o seu negócio.

2 – Conheça a estrutura ergonômica do espaço trabalho 

Quando se trata de trabalho, estar confortável é essencial para a produtividade. Afinal, um escritório deve ser um espaço de concentração, ao invés de um lugar cheio de distrações. E para garantir o seu conforto durante o expediente, a estrutura do espaço de trabalho é um dos principais pontos a serem analisados ao escolher um coworking. 

Ao falarmos de estrutura de trabalho, não podemos deixar de citar um ponto muito importante: a ergonomia. O coworking deve oferecer uma estrutura que favoreça a ergonomia no trabalho. Caso contrário, a longo prazo você sentirá os efeitos de trabalhar diariamente de forma desconfortável e prejudicial para o seu corpo. Tal fato, inclusive, se reflete na vida cotidiana. Você sabia que, com o aumento no número de trabalhadores em home office devido à pandemia, o termo “dor nas costas”, foi um dos mais pesquisados no Google em 2020?

Por isso incluímos essa dica! É preciso entender que a mesa, a cadeira e até mesmo o suporte de tela do computador que você usa no trabalho devem ser ergonômicos para evitar problemas de saúde. Então, lembre-se: ao escolher um coworking, fique atento à qualidade do espaço de trabalho e aos requisitos ergonômicos do espaço.

Como escolher um coworking

3- Infraestrutura do coworking

Aqui, chegamos em um ponto essencial! Analise muito bem a infraestrutura do coworking onde você pretende trabalhar. Nesse aspecto, você deve ponderar quesitos como: 

  • Velocidade da internet oferecida;
  • Qualidade das impressoras;
  • Se há serviço de telefonia e/ou cabine telefônica;
  • Se o coworking oferece gestão de correspondências;
  • Infraestrutura física (estado de conservação dos móveis e equipamentos, estacionamento, etc.).

O coworking será o seu espaço de trabalho, sendo assim, deve apresentar qualidade na infraestrutura fornecida. Afinal, a ideia de sair do home office é justamente ir para um espaço mais profissional e que não apresente os problemas enfrentados durante o trabalho em casa, não é mesmo? Fique de olho nesses pontos ao escolher o seu novo espaço de trabalho.

4- Faça uma análise dos serviços oferecidos pelo coworking

Um dos pontos primordiais na escolha do coworking é analisar os serviços oferecidos no local. Muitos coworkings contam com opções de salas privativas, estações de trabalho compartilhadas, e até mesmo com contratação sob demanda, ou seja, você pode pagar por dias avulsos de uso, ao invés de fechar um contrato mensal, semestral ou anual, por exemplo.

Dentro desses serviços estão inclusas as conveniências disponibilizadas pelo coworking. E nesse ponto você deve buscar por diferenciais. Os serviços podem ser similares em diferentes espaços compartilhados, mas sempre haverá diferenças no que é disponibilizado em cada um deles. 

5- Localização estratégica

Um bom coworking deve ter a melhor localização possível. Afinal, é preciso que o espaço seja de fácil acesso para você, seus colaboradores e para os seus possíveis clientes. Dessa forma, você não perderá oportunidades de negócio e ainda terá um endereço atrativo para os seus clientes.

O ideal é que o coworking seja próximo a estações de metrô, pontos de ônibus e vias de fácil acesso para toda a cidade. E então, ficou mais fácil entender como escolher o coworking ideal para você? Aqui no Workplace nós oferecemos todos os benefícios citados durante o artigo, além de muitas outras facilidades! Fale conosco e descubra o que há de melhor no mundo dos coworkings. Clique aqui e saiba mais sobre os nossos planos e vantagens!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat