O coworking é uma opção para quem precisa de privacidade?

Coworking

Se você já considerou a possibilidade de trabalhar em um coworking, mas se preocupa com a privacidade dos seus projetos, saiba que esse é um questionamento muito comum. Os espaços compartilhados promovem a troca de experiências entre profissionais e o networking, entretanto, isso não significa que são locais sem privacidade.

O ambiente criativo e dinâmico de um coworking, definitivamente estimula a interação entre os usuários. Em contrapartida, os espaços compartilhados também contam com estruturas reservadas para quem precisa de um local à parte para realizar determinados tipos de trabalho.

Quer entender melhor como é possível conciliar privacidade e o ambiente de um coworking? Acompanhe esse artigo e venha conosco!

Saiba como funciona o espaço de um coworking

Antes de mais nada, que tal entendermos de uma vez como funciona um coworking? Ao falarmos sobre espaços compartilhados, sabemos que o pensamento inicial é o de muitas pessoas juntas no mesmo local, não é mesmo?

Entretanto, os coworkings são elaborados para terem a estrutura semelhante à de uma empresa. Dessa forma, as estações de trabalho também seguem esse padrão e se assemelham às mesas e baias encontradas em escritórios. Ou seja, você trabalhará lado a lado com outras pessoas, a única diferença é que elas, talvez, não façam parte da sua equipe!

Sendo assim, a estrutura de um coworking permite a fácil comunicação entre os usuários, mas também mantêm um certo grau de privacidade, a depender da tarefa que você precisa desempenhar.

Coworking

Coworking x Privacidade

Na batalha entre coworking e privacidade, os dois saem ganhadores! Isso porque é totalmente possível conciliar a necessidade de privacidade com o ambiente do coworking.

A privacidade é um fator importante para um ambiente de trabalho saudável, assim como a interação entre os colaboradores. Por isso, é preciso unir o melhor dos dois mundos. Nos escritórios compartilhados, o design das salas é um dos grandes responsáveis por permitir essa combinação.

Como dito anteriormente, os coworkings são projetados para oferecerem todos os benefícios de um escritório. Sendo assim, existem algumas opções para quem precisa de um pouco mais de privacidade no momento de desenvolver projetos.

Para os usuários que precisam de espaços privativos ocasionalmente, existe a possibilidade de reservar salas de reunião ou de utilizar as cabines telefônicas. Já para as equipes que possuem demandas fixas, há a opção de escolher as salas privativas, que são espaços exclusivos e personalizáveis com diversas facilidades.

Salas privativas: quais são os benefícios?

Dentro do ambiente de um coworking, as salas privativas podem ser consideradas a melhor opção em termos de privacidade. Isso porque elas combinam a economia de um coworking com o conforto, customização e exclusividade de um escritório próprio.

A sala privativa é uma sala reservada para uma única empresa, dentro do espaço de coworking. Sendo assim, é possível oferecer todos os benefícios de um escritório próprio, inclusive a privacidade. Os espaços das salas privativas são equipados com estações de trabalho e mobiliário ergonômico, e ainda podem ser personalizados de acordo com a necessidade de cada negócio.

Viu só como é possível trabalhar em um ambiente inovador e dinâmico como o coworking, e ainda conseguir desenvolver os seus projetos com privacidade? Se depois desse texto as suas dúvidas sobre privacidade no coworking foram esclarecidas, que tal conhecer o Workplace?

Oferecemos diversas conveniências e facilidades para melhorar a rotina de trabalho do seu negócio! E o melhor: estamos localizados em um dos maiores pontos comerciais de São Paulo, a Av. Paulista. Clique e saiba mais sobre o Workplace.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat